logo
Contato | Sobre...        
rebarba rebarba

Rodrigo Strauss :: Blog

follow us in feedly

Por que você programa?

Tentando encontrar uma forma de explicar para um entrevistador como eu sou fascinado por programação sem parecer mentiroso ou artificial, eu me lembrei de uma coisa que li a muito tempo atrás: "Why Do You Code?".

Precisa existir algum motivo lógico? No meu caso é simplesmente inexplicável, quase uma doença. Caso alguém queira tentar fazer um diagnóstico, vou enumerar alguns sintomas:

  • Meu micro tem 512MB de RAM e uma Geforce FX 5200 128MB. Eu até fico feliz que minha máquina rode Doom3 numa velocidade razoável, mas esse não é motivo da minha felicidade. Eu fico feliz porque posso abrir duas máquinas virtuais, o Visual Studio.NET, a MSDN, o Firefox com milhares de tabs e o WinDbg ao mesmo tempo.
  • Eu trabalho com programação o dia inteiro. Sabe o que eu faço pra me divertir quando chego em casa? Abro meu Visual C++ e trabalho em um software que eu estou fazendo a 10 meses, envolvendo computação distribuída e device drivers. Ou seja, continuo programando e estudando.
  • Fico feliz pelo fato da minha HD ter 120GB. Assim eu posso instalar sem preocupação a MSDN, o DDK, o Platform SDK, o Visual Studio 6, o Visual Studio.NET, posso baixar milhares de fontes do Source Forge, criar várias máquinas virtuais para testar softwares como o Visual Studio 2005, Yukon e sistemas operacionais, posso instalar Linux ou até mesmo o Longhorn em outra partição, etc, etc.
  • Fico feliz por ganhar um salário bom. Assim eu posso gastar dinheiro comprando mais livros sobre programação todo mês na Amazon.
  • Se hoje eu tenho um bom conhecimento de inglês, é de tanto ler livros sobre programação e aperfeiçoar o inglês para estudar mais sobre programação e para trabalhar em projetos envolvendo programação no exterior. Um dia um amigo me disse que queria virar programador e perguntou por onde começar. Eu disse para começar estudando inglês.

Essa matéria que eu citei conta a história de um sujeito que queria aprender a programar mas não tinha micro, só uma WebTV (um finado aparelho no qual você podia navegar pela web com sérias limitações e enviar/receber e-mails ligando o aparelho à linha telefonica e à TV, quase um TK90X). Então ele escrevia os fontes C em um e-mail, e enviava para um amigo que tinha computador. Esse amigo compilava e mandava os erros de volta. Assim ele começou a programar.

Esse sujeito parece maluco? Pois é, mas eu comecei mais ou menos assim. Eu aprendi a programar com 12 anos, quando minha mâe trabalhava na UNESP de Botucatu e eu resolvi fuçar em computadores no polo computacional de lá. Depois eu resolvi pegar uns livros para ler. O que você faria se visse um garoto de 12 anos de idade na biblioteca da sua faculdade procurando livros de programação? Hoje eu fico imaginando como devia ser estranho...

Então eu peguei um livro de BASIC e comecei a programar em GW-BASIC usando os micro de lá. Mas eu não tinha micro em casa, não podia programar sempre. Não demorou muito tempo para que eu começasse a escrever programas em um caderno, na minha casa. Eu tinha 12 anos de idade...

Tem alguma explicação para isso? Existem pessoas que programam para viver, e pessoas que vivem para programar. Eu me encaixo na segunda categoria, e conheço algumas pessoas assim.

Por que eu programo? Sinceramente, eu não sei explicar. Só espero que o entrevistador entenda...


Em 19/08/2004 08:18, por Rodrigo Strauss


  
 
 
Comentários
Fabrício Ferreira | e-mail | em 18/10/2004 | #
Hehehehe...Esse sou eu!
Guilherme Campos | e-mail | em 09/02/2005 | #
Pior que programar em Basic num caderno, é programar em Dbase no meio da aula de português na 7ª serie (no caderno de português é claro)
Daniel | website | em 26/04/2005 | #
Cara vc não deve saber nada de informatica ou eletrônica para falar tamanha bobagem. WebTV=TK90x ficou louco...........
Rodrigo Strauss | website | em 29/06/2005 | #
Explicação técnica: Isso foi uma piada e você não entendeu.
carlos | em 02/08/2005 | #
pensei que so eu era maluco...
Gustavo | e-mail | em 14/08/2005 | #
olha kra parabens pelos artigos!!!!1

eu intendo perfeitamente oh motivo q leva a algumas pessoas ah viver da programaçao da criaçao da curiosidade e da voltade d aprender d inovar e d faze assim como voce!! naum como eu pq eu tenho 14 anos!! eu ja estou comesando os estudos d programaçao!! bem oh basico!!(tpw eu ja sei fazer o jogo da velha obs: e imposivel d ganhar--ahushuashu)mas ja eh um começo!!! eu soh qeria saber como e o mercado de trabalho para qm programa!!!naum por eu ta qerendo programar pela primeira opsaum "existem pessoas que programam para viver" mas sim por eu naum ter ideia como um programador ganha dinhero!!!c qm ler poder me dizer algu sobre isso agradeço

flw!!

e um abraço!!!

email : gustavo_foruns@hotmail.com
fre | website | em 08/09/2005 | #
e naõ mesmo voçes saõ melhores aqui só um bobo navegando na webtv
Jorge Pereira | website | em 09/12/2005 | #
Gustavo,

Comece primeiro aprendendo português, pois você cometeu milhares de erros inadmissíveis no seu POST, siga meu conselho...

ate mais
augustowebd | website | e-mail | em 09/03/2006 | #
Na verdade, acredito eu, que todo "Programador" já nasce programador, o computador eh apenas uma ferramenta que imprime seu pensamento. lembro-me que aos meus 8 anos, qndo ainda era engraxate, vi o primeiro computador face2face e foi a coisa mais extraordinária que vi ateh aquele dia. Embora não ter acesso ao mesmo eu sabia que daquele dia em diante eu queria trabalhar com aquilo, o tempo passou fui desviado para área que naum me daria o conhecimento necessário dos colegas acima, mas eu sabia que queria aquilo. hj trabalho com WEB, mas já caindo para o C++ :).

Parabéns a todos que como nós não se importa em ser taxado de loucos, ou nerds, pois eh por nossa causa que tudo isso taí.
[]'s
Geraldo | em 06/05/2006 | #
Rodrigo,

Muito legal, cara. Me lembrou o tempo que eu era cobrador de ônibus e, enquanto o ônibus corria, eu ia escrevendo programas em Clipper num caderno.

Hoje sou programador Visual FoxPro - quero passar pra C++ e, através do fórum C++ no MSDN, cheguei até aqui.
Lucas | em 05/08/2006 | #
Concordo com o augusto. Também acredito que o programador já nasce destinado a ser programador.
e parabéns pelo site Rodrigo, seus artigos são bem interessantes! acredito que você realmente se sente satisfeito com o fruto de sua dedicação e estudo. Atualmente eu estou estudando C++ e desenvolvendo um jogo junto com uns amigos. creio que programação seja o meu futuro também, assim como o de tantas outras pessoas que lêem os seus artigos e encontram nestes um sentido mais profundo.

[]'s e muito sucesso,

Lucas
Elizabeth | e-mail | em 01/09/2006 | #
RODRIGO,

Você é espetacular.
Estou no 1 ano de analise e o meu carma é logica de programação, tem horas que penso em desistir.
Até acho que cai de para-quedas neste curso.Mais vou ter que ir até o fim, gosto de computador , preciso arriscar.

Abraço e Parabéns.

Beth
Rodrigo Robles | website | e-mail | em 21/09/2006 | #
Grande xará! É bom saber que nós não somos os únicos loucos do mundo. É como achar vida em outros planetas huahuahua!
Além de termos o mesmo nome, maior coincidência ainda é Botucatu, eu nasci lá.

Além do meu site, visite também meus projetos opensource:

http://sourceforge.net/projects/gpldevkit

http://sourceforge.net/projects/gamemundo

Um abraço.
Manoel | em 01/10/2006 | #
Eh impossivel expressar tudo que estou sentindo com palavras. Em ver toda a simplicidade de compartilhar.

Muito obrigado por alem deste fantastico site deixar-nos expressar.
Manoel | em 01/10/2006 | #
Desculpe-me mas tive que postar outra vez! Cada linha, cada leitura que eu faço em seu site me inspira mais ainda a vontade de programar.

Eh impossivel nao dizer nada. tambem acho que um programador nasce pré-destinado a programar.
E assim ele será um programador um dia.
Manoel (sim, sou eu novamente) | em 01/10/2006 | #
eu sei eu sei. eh estranho. Mas nao consigo ficar sem pensar em programar nem mesmo em um so dia.

Meu pai sempre me disse que o caminho É o C++
No inicio eu nao gostava.

Porem algo em mim vibrava quando alguem de bom coracao publicava junto com um game de computador um editor!!

Eu ficava horas e horas fazendo coisas absurdas no editor!
(e a pouco ainda ficava!!!) Mas isso porque ainda nao havia encontrado o caminho certo. Sempre chegava em um momento em que o editor nao permitia fazer tal coisa. Aquele era o limite do editor. E eu queria mais. Queria os MEUS limites. Mas, por isso ate hoje tenho inumeros trabalhos de edicao interminados. todos eternizados em CDs.
Muitos jah nem rodam mais no nosso computador (dividimos eu e meu pai), mas mesmo assim eu os guardo.
Eles as vezes nao tem nada de programacao, entao meu pai se aborrece e diz que nao faz sentido, pra que eu guardaria cisas que nao posso nem ao menos programa-las..
Eu sinceramente nao sei.

Mas hoje com todo esse avanco tecnologico na area de games, quando eu pego um editor e vejo que ele se encaminha para o C fico elforico.

Agora nao consigo mais parar de programar. Jah destruí centenas de caderninhos com rabiscos e programas.

Hoje posso dizer que mesmo sem ter concluido nenhum projeto (ainda) eu ja vivo para programar.

(eu tinha que dizer isso para alguém oras!)
Alfred Reinold Baudisch | website | em 04/10/2006 | #
Programo desde os 12 também, mas comecei com Delphi, parti para C e C++, ASP, e agora há 6 anos com PHP, a linguagem a qual escolhi como meu trabalho.

Sem faculdade, só livros, livros e mais livros. Além de tutoriais e códigos do Source Forge.

E sinceramente eu programo para viver, pois não é meu foco de vida, e espero sair disso logo. Mas, como me dou muito bem e sou bom no que faço, vou ganhando meu trocado até alcançar o objetivo.

Abraços.
www.auriumsoft.com.br/blog/sobre-o-autor
ZéManéEuSou | website | e-mail | em 29/03/2007 | #
nossa...Deus mora aqui também..? ouvi dizer que ele também é programador...
ZéManéEuSou | website | e-mail | em 29/03/2007 | #
LEIAM ...LEIAM.....ISSO É SIMPLESMENTE ILÁRIO !!!
REALMENTE MUITO BOM....TO RINDO ....RINDO....fala sério velho.....kkkkk....tem médico pra isso viu meu querido..?


Manoel | em 01/10/2006 | #
Eh impossivel expressar tudo que estou sentindo com palavras. Em ver toda a simplicidade de compartilhar.

Muito obrigado por alem deste fantastico site deixar-nos expressar.
Manoel | em 01/10/2006 | #
Desculpe-me mas tive que postar outra vez! Cada linha, cada leitura que eu faço em seu site me inspira mais ainda a vontade de programar.

Eh impossivel nao dizer nada. tambem acho que um programador nasce pré-destinado a programar.
E assim ele será um programador um dia.
Manoel (sim, sou eu novamente) | em 01/10/2006 | #
eu sei eu sei. eh estranho. Mas nao consigo ficar sem pensar em programar nem mesmo em um so dia.

Meu pai sempre me disse que o caminho É o C++
No inicio eu nao gostava.

Porem algo em mim vibrava quando alguem de bom coracao publicava junto com um game de computador um editor!!

Eu ficava horas e horas fazendo coisas absurdas no editor!
(e a pouco ainda ficava!!!) Mas isso porque ainda nao havia encontrado o caminho certo. Sempre chegava em um momento em que o editor nao permitia fazer tal coisa. Aquele era o limite do editor. E eu queria mais. Queria os MEUS limites. Mas, por isso ate hoje tenho inumeros trabalhos de edicao interminados. todos eternizados em CDs.
Muitos jah nem rodam mais no nosso computador (dividimos eu e meu pai), mas mesmo assim eu os guardo.
Eles as vezes nao tem nada de programacao, entao meu pai se aborrece e diz que nao faz sentido, pra que eu guardaria cisas que nao posso nem ao menos programa-las..
Eu sinceramente nao sei.

Mas hoje com todo esse avanco tecnologico na area de games, quando eu pego um editor e vejo que ele se encaminha para o C fico elforico.

Agora nao consigo mais parar de programar. Jah destruí centenas de caderninhos com rabiscos e programas.

Hoje posso dizer que mesmo sem ter concluido nenhum projeto (ainda) eu ja vivo para programar.

(eu tinha que dizer isso para alguém oras!)




SÓ UMA PERGUNTA....PORQUE O NUMERO 26??? ...RS...
Rodrigo Strauss | website | em 29/03/2007 | #
"Escreva o número vinte e seis" == anti spam de preguiçoso. E funciona.
Henrique Silva | em 14/04/2007 | #
Muito bom o artigo, parabens. Eu comecei a programar com 16 anos, na escola não tinha coisa melhor para fazer do programar no caderno, e depois um colega tambem doido por programação obteve acesso aos laboratórios de uma faculdade da zona leste de São Paulo, matavamos aulas no colégio para ficar programando lá nesse facul, que tinha compilador C nas maquinas. Programção eh isso... num sei, alias programar é arte?
Rodrigo Strauss | website | em 16/04/2007 | #
Sim, mais arte do que ciência.
Eder Freire | website | e-mail | em 18/04/2007 | #
Realmente programação é arte. Viva a programação \o/

cout << "Fui" << std::endl;
Rodrigo Faria | website | e-mail | em 17/07/2007 | #
cara pensava que so eu era pirado por programacao dez dos 12 para 13 anos hoje sei porgramar me vb,delphi,html,c,c++.
Fernando | e-mail | em 19/05/2009 | #
Bah parece até que vc contou um pouco da minha história. Eu também comecei a programar com uns 10 anos de idade em BASIC, num antigo computador da linha MSX. Também já escovei bastante bits com assembly do Z80 e 80x86. Hoje estudo Java e C++. Nasci pra programar e é meu único vício. To sem computador aqui em casa já faz tempo, então o cara alí dono da Lan-house ta enriquecendo, pq eu pago pra programar nas maquinas da lan... ainda bem q ele nao descobriu ainda!!

Meu futuro próximo é o bacharelado em Ciências da Computação c/ ênfase em Engenharia da Computação pela UFRGS...

Quem quizer pode me add no msn pra trocar idéias sobre essa paixão à arte de programar!

MSN: trasnetul@hotmail.com

Ah, adorei o site! Parabéns!
vitor | website | e-mail | em 19/06/2009 | #
cara, conheci seu blog há pouco tempo, mas adorei, li quase tudo que podia entender em uma noite, parabéns!

Tem bastante coisas avançadíssimas de device drivers em c++ e outras coisas. Eu programo há mais de 10 anos, mas em outras linguagens, então entendo pouco de c++, só o básico, mas seu blog me inspirou.

Gostei bastante desse post aqui, que expressa muito de minha própria opinião e paixão. Posso colocar um link para esse post no meu blog? Está começando agora, só tem 5 posts.
Rodrigo Strauss | website | em 19/06/2009 | #
Sim, claro, pode colocar o link
Hudsonkem | e-mail | em 31/07/2012 | #
Bom cara vc nao é doido so q vc tem uma paixao inusitada de escrever codigos fonte onde vc se encontra num mundo so seu, onde vc faz as regras, e vc é o lider nao vejo melhor coisa a se fazer... eu tbm nao sei pq gosto de programar tanto como gosto de baixar qualquer coisa.. sou doido nao sei, mais tenho muitas vontades de baixar coisas q me sejao utem algum dia ^^..
bom mais falando de vc eu acho q é isso vc se encontro é isso q te faz feliz é so vc investir bota pra quebra nos seus conhesimentos e pelo amor de deus alguem me encina a programar
eu tenho 17 to veim ja e por mais q eu pesquise eu nao consigo aprender enguanto nao resolver minhas perguntas é serio tenho muitas perguntas e ninguem q quera responder sobre muitas coisa mais eu ja sei programa so q em console nada tao avançado... mais gostei de ver alguem q se interesa por programaçao eu ja quero fazer pra game designer tbm... mais ja to falando muita besteira ja.. gostei da postagem vlw
se vcs leem oq escrevii vlw ta muito grande!
Algo a dizer?
Nome:


Site:


E-mail:


Escreva o número vinte e seis:


 Não mostre meu e-mail no site, não serve pra nada mesmo...

Comentário





Os comentários devem ser sobre assuntos relativos ao post, eu provavelmente apagarei comentários totalmente offtopic. Se quiser me enviar uma mensagem, use o formulário de contato. E não esqueça: isso é um site pessoal e eu me reservo o direito de apagar qualquer comentário ofensivo ou inapropriado.
rebarba rebarba
  ::::